segunda-feira, 15 de outubro de 2012

NO LIMIAR DAS ÁGUAS

NO LIMIAR DAS ÁGUAS
Diac. Dalva Vasconcelos Coutinho

 ''Depois disto, o homem me fez voltar a entrada do templo, e eis que saiam águas de debaixo do limiar do templo, para o oriente , porque a face da casa dava para o oriente... '' ...E a as águas vinham de baixo do lado direito da casa , do sul do altar'' Ezequiel 47:1 

 No limite das águas , é uma reflexão que nos faz meditar em todos os nossos históricos desde o: Começo, meio e fim e as profundidades que alcançam nesse grande '' mar da vida''. Quantas historias , nós temos? Quando debruçamos , sobre as palavras que contam a historia de Ezequiel é que vemos que ele foi um dos maiores exemplos de ''limites'' da Bíblia.

 Ezequiel estava na Babilônia , quando profetizou sobre a destruição de Jerusalém e foi lá que teve muitas visões e também teve a missão de confortar e consolar os Judeus que estavam em ''cativeiro'', e nos limites das suas forças.(Salmos 137) A visão é algo extraordinário que não acontece sempre e são poucos os que tem esse dom.

Na visão se pode penetrar em outra dimensão e ver de perto o poder de Deus , através de outro ''material'' que escapa a compreensão humana e cujo segredo pertence somente a ele e que só vamos entender quando tivermos a ''mente de Cristo''. Antes de tentar explicar e entender esse mistério , torna-se necessário trazer esta visão para o nosso dia a dia.

 ''Ao entrar no rio'' , logo nos deparamos em todas as situações do nosso viver.'' Entrar no rio'' , entende-se , entrar no emprego, entrar na escola , entrar na faculdade, entrar em um relacionamento e entrar numa religião etc.... Tudo , na vida requer um inicio , que sempre é acompanhado de expectativas que nem sempre está adequado aos nossos sonhos, senão vejamos: No trabalho se espera melhores ordenados,melhores condições etc... Na escola e na faculdade, se espera melhores ensinos, formaturas etc....

Nos namoros , noivados e casamentos se espera compreensão , cumplicidade e amor. Na Igreja espera-se que tudo seja verdadeiro e da melhor qualidade, pois afinal é nela que se aprende o verdadeiro amor ou seja o amor ''Ágape''.

 Todo esse inicio é comparado aos '' pés na água até os tornozelos'' , pois ainda é tudo novo , ainda não se tem , não se vê e não dá para medir a profundidade de nada pois somente o tempo vai dizer pela experiencia, a profundidade que é comparado as águas que estão nos joelhos. Só se pode adiantar que: como diz o ditado popular '' Tudo no começo , são flores''. A proporção que se vai vivenciando

: Os trabalhos, as escolas, os relacionamentos e a vida religiosa é que se vai aprofundando ''nas águas do mar da vida'', como diz o hino e se vai tirando conclusões que nem sempre corresponde as expectativas do que se esperava nos sonhos. Quando as ''águas chegam até os lombos'' , já se pode dizer que ; se pode nadar , ou melhor ter experiencia para resolver os impasses sem perder o foco e ''olhe'' que as vezes se perde .

Vamos levar o assunto para a área espiritual. A Epigrafe ''A torrente das águas purificadoras '' nos faz entrar no cenário das águas e águas na vida do Cristão. Vamos passear pelos versículos deste capitulo e retirar deles um aprendizado especial para nossa existência.

 O profeta Ezequiel teve varias visões. As mais importantes são a do ''Vale de ossos secos'', dos ''Quatro querubins'' etc.. e essa do homem que o leva a visitar diversos locais e entre eles a do Rio do qual vamos discorrer. O verso dois diz:''Ele me levou pela porta do norte... e eis que corriam águas ao lado direito''.

 Tudo na Bíblia tem uma razão de ser dita e escrita. As águas estão do'' lado direito'' na visão do profeta. Quando o apostolo Paulo foi visitado pelo Senhor Jesus , ele foi se hospedar na rua chamada ''Direita.'' (Atos 9:11). Um outro exemplo Jesus mandou os discípulo '' jogar as redes para o lado ''direito.''(João 21:1-14)

 Portanto a palavra ''direito ou direita '' tem grande importância no texto Bíblico e no contexto social , emocional e espiritual do ser humano. Direito é sempre sinônimo do que é correto . Também podemos observar que é o homem quem conduz Ezequiel e vai medindo tudo com um cordel para que ele possa entender o que está errado e que precisa ser medido , pesado e purificado.

 No verso três ele diz que ''Saiu o homem com um cordel para o oriente. E me fez passar pelas águas que me davam pelos tornozelos''. Quando levamos para o lado cristão vemos que o homem levou o profeta a entrar nas águas que molhavam os tornozelos. Existe no livro de Lucas uma ordem de Jesus falando:

''Ide e fazei discípulos'' que já está mandando que '' façamos força'' através do versículo ''Força-os a entrar''(Luc. 14:23) no rio de Espirito. Águas nos tornozelos: A primeira ordem é ''Fazer discípulo e em seguida vem a doutrina''.É impossível desligar uma coisa da outra. Discipular e Doutrinar são os princípios dos ensinamentos Cristãos. No evangelho temos que levar os novos convertidos a entrar neste rio Espiritual. A primeira coisa que observamos é a criança em Cristo.

 Qual criança não gosta de molhar os pés nas poças da água ,na beira dos rios ,nas ondas da praia. Na Igreja os novos convertidos são mesmo que crianças. Tudo é novidade de vida e precisa como disse o apostolo Paulo , de leite para crescer. A alegria e o interesse em tudo é a marca registrada do Novo convertido . Lembro de uma irmã , que quando me disse que falou com Deus , eu quase desmaiei e pensei: ''Meu Deus ela fala contigo!'' Nesse tempo eu ainda estava com águas nos tornozelos.

Estava começando a entrar no Rio do Espirito. V 4- (Águas nos Joelhos) O novo convertido começa a entrar nas águas do Espirito , lendo orando , estudando a palavra e assistindo as aulas na Escola Dominical . A fome espiritual da palavra faz com que os Cristãos, orem , leiam a Bíblia e cresçam . A fome da Palavra de Deus determina como fica a alma .

As pessoas que não gostam da palavra ficam na visão do profeta como os que estão no vale dos ossos secos, Foi assim comigo . As águas chegam aos joelhos e o compromisso cada vês aumenta porque o crente não pode parar e entra mais nas águas até chegar a cintura, até que não dá mais para voltar. Já são águas profundas. ''Mediu mais mil e e me fez passar pelas águas, águas que me davam pelos joelhos: mediu mais mil e me fez passar pelas águas que me davam pelos lombos.

'' Quando entramos no mar , e as águas chegam até a cintura, começamos a sentir dificuldade em andar nas águas, Assim é nas águas do Espirito. Agora só nadando pode-se passar. V. 5'' Mediu um outros mil, e já era um rio que eu não podia atravessar porque as águas tinham crescido, águas que se deviam passar a nado,rio que não se podia passar.'' Chega a hora que só se pode passar nadando.

 E no rio Espiritual chega-se a crescer tanto que se pode nadar de um lado para o outro , sem o perigo de se afogar nos enganos das falsas doutrinas e das falsas religiões Neste tempo do crescimento , já aprendemos a ter o discernimento espiritual que é entender com profundidade , tudo que está acontecendo ao nosso redor. Vivemos uma época difícil de se ganhar almas para Cristo. Muitas festas vemos nas igrejas .

Muita luz, muita música, muitos cantores . Lindas pregações mas o berçário continua vazio. Não vemos o choro dos ''recém-nascidos'' em Cristo Jesus. para que possamos levá-las as águas do rio como foi a visão de Ezequiel. Esse rio tem abundancia de arvores de um lado e do outro. Precisamos saber como explorar para poder dividir as águas em redor dos novos cristãos do reino e ensiná-los a saber dividir as águas no seu crescimento Espiritual.

 A experiencia do nosso viver nos mostra como dividir as águas. Na superfície das águas estão as ondas, e na profundidade os peixes de todos os tamanhos e de todas as cores . Para verificação aconselhamos a ler todo capitulo.47 de Ezequiel. É comum escutarmos falar que está havendo ondas de: Assaltos, enfermidades, epidemias , assassinatos.

 Perseguições. ''São as ondas do mar da vida''.Somos nós que temos que orar para que elas se acalmem e os peixes , são os que temos que pescar . Temos que lançar o anzol do evangelismo e pescar grandes, pequenos (ricos e pobres) (pretos e brancos) para levá-los até o rio espiritual . O primeiro é fazer discípulos e o segundo é doutrinar para que possam crescer e '' povoar os céus saqueando os infernos '' no limiar das águas que estão nos tornozelos, nos joelhos e na cintura até se poder nadar no rio Espiritual sem perigo''.

Nenhum comentário:

Postar um comentário